Cidade Corpo em Flor

Intervenção Urbana, 2013

Show More

ANDAR     PLANTAR     BROTAR     ESCREVER    CONVERSAR

 

A intervenção urbana CIDADE Corpo em Flor cria na rua um terreno fértil para brotar afeto. Duas mulheres jardineiras estão disponíveis para plantar, andar, construir e convidar o espectador a formar com elas uma trajetória. Os passantes vão sendo atraídos, são eles que elegem o lugar: nos buracos, nas calçadas, nos postes, nas brechas, no abandono.

Na relação entre performer e espectador-plantador novas dinâmicas acontecem e ambos vão compondo uma poética no solo, junto à flor. Utilizando pembas as artistas desenham e inscrevem no chão o que podemos chamar de uma gramática expositiva do ato. "Qual a possibilidade para um corpo de afetos? Qual a possibilidade para uma rua de afetos? Qual a possibilidade para uma cidade de afetos? Aqui brotou afeto!"

 

 

CIDADE corpo em flor, 2013

Intervenção Urbana

Ação do Coletivo Ambulante, Mariana Vilela e Sol Bento

Carrinho de mão cheio de terra, regador e botões de rosas.

4 horas de duração

PERFOR 4, Largo da Sé, SP

Fotos: Ívan Taraskevicius